Justiça | Caso de José Sócrates pode ser aproveitado por movimentos populistas, alertam académicos

Justiça | Caso de José Sócrates pode ser aproveitado por movimentos populistas, alertam académicos

31/10/2019 0 Por Carlos Joaquim
Os académicos britânicos, Roger Eatwell e Matthew Goodwin, autores do livro “Populismo” consideram que o caso de alegada corrupção de que é acusado o ex-primeiro-ministro José Sócrates pode incrementar sentimentos de nacional-populismo em Portugal.
Os autores do livro “Populismo – A revolta contra a democracia liberal” estabelecem paralelos entre Portugal e Espanha e consideram que a corrupção é um dos pontos mais preocupantes – no que diz respeito ao aumento do poder dos movimentos e partidos políticos nacional-populistas, nos dois países.
Roger Eatweel recordou que o Partido Popular espanhol enfrentou uma grave crise política em 2018 “devido a problemas de corrupção” e que na Região Autónoma da Andaluzia, os socialistas do PSOE, no poder desde 1982, foram afetados pelos problemas de corrupção.
“Este pode ser um aspeto importante para Portugal, sobretudo se vier a confirmar-se se o caso judicial que envolve o ex-primeiro ministro (José Sócrates) vai mesmo a julgamento, e eu não estou a dizer se vai passar ou não da fase de instrução”, disse à Lusa Roger Eatweel.
Para o professor de Política Comparada da Universidade de Bath, Reino Unido, a corrupção tem sido um dos grandes fatores explorado pelos movimentos nacional-populistas e que é aproveitado “para lhes conferir” legitimidade.