Operação Natal e Ano Novo. 17 mortos em mais de seis mil acidentes

Operação Natal e Ano Novo. 17 mortos em mais de seis mil acidentes

06/01/2020 0 Por Carlos Joaquim
A GNR e a PSP registaram 17 mortos e 84 feridos graves durante a Operação Natal e Ano Novo. Entre 20 de Dezembro e a meia-noite registaram-se 6.630 acidentes rodoviários.
Em comparação com o ano passado, há a registar “menos acidentes, menos vítimas mortais, menos feridos graves e menos feridos leves”, afirmou Paulo Gomes, tenente-coronel da GNR, no Bom Dia Portugal.
“O que é muito positivo. As vítimas que registámos em acidentes graves, na sua maioria não se registaram nas vias com maior circulação nem no contesto das grandes viagens que é normal as famílias fazerem nesta quadra”, acrescentou.
A maioria dos acidentes dos quais resultaram mortos foram registados em “estradas secundárias, arruamentos, dentro das localidades e alguns atropelamentos”.
Segundo o tenente-coronel Paulo Gomes, “grande parte dos acidentes deve-se a velocidade inadequada- excesso de velocidade – mas também à distração”.
“São duas áreas em que nós temos como proprietária a fiscalização. Que é a velocidade e a utilização de telemóveis”, realçou.
GNR passou, durante a Operação Natal e Ano Novo, mais de 24 mil contraordenações, quase 1.500 excessos de álcool. “Um terço destes excessos de álcool foi registado na madrugada de passagem de ano”.
“Estes comportamentos não podem ser tolerados e contra eles continuaremos a trabalhar”, alertou tenente-coronel Paulo Gomes.