Reabertura dos museus de Aveiro

Reabertura dos museus de Aveiro

02/04/2021 0 Por Carlos Joaquim

O dia 5 de abril marca o regresso das exposições e atividades aos Espaços Municipais 

Na próxima segunda-feira, dia 5 de abril, a Câmara Municipal de Aveiro (CMA) irá reabrir os Museus de Aveiro, Galerias e a loja “Turismo & Museus”, utilizando a possibilidade conferida pelo plano de desconfinamento definido pelo Governo do País, e fazendo-o logo no primeiro dia em que tal é possível.

Nesta fase do processo de desconfinamento cuidaremos sempre do cumprimento das medidas de Combate à Pandemia de Covid-19, dando todos contributo para que não tenhamos uma nova vaga.

Os Museus de Aveiro estarão, excecionalmente, abertos ao público nesse dia 5 (a segunda-feira é o dia habitual de encerramento), sendo a entrada gratuita até ao dia 11 de abril, medida tomada pela CMA como estímulo à visitação da comunidade local / regional, permitindo a fruição da coleção dos Museus de Aveiro e das quatro novas exposições que marcam a sua reabertura.

Coleção de Arte Contemporânea do Estado Português

No Museu de Aveiro / Santa Joana a Coleção de Arte Contemporânea do Estado Português em Depósito na Câmara Municipal passa a estar, a partir do dia 5 de abril, permanentemente exposta na Galeria da Pedra, do Museu de Aveiro / Santa Joana, sendo a exposição renovada, ao longo do ano, permitindo mostrar a riqueza e a diversidade de técnicas, artistas e linguagens que formam a coleção.

Reforçando a sua aposta na Arte Contemporânea, a CMA soma, assim, mais um capítulo ao trabalho de valorização e divulgação desta coleção, em prol da sua fruição, dando a conhecer as múltiplas sensibilidades dos artistas nacionais que compõem e na qual pontuam autores como Armanda Passos, Julião Sarmento, Júlio ResendeVieira da Silva, entre muitos outros.

Esta ação integra-se no âmbito do Projeto de Arte Contemporânea de Aveiro, materializa a efetiva descentralização cultural e posiciona, a partir de Aveiro, uma nova centralidade na Arte Contemporânea. A par andam várias parcerias estabelecidas com Entidades Nacionais, destacando-se o trabalho desenvolvido com a Fundação de Serralves, a Fundação Cupertino Miranda, o Museu Nacional da Imprensa e, mais recentemente, a Fundação Arpad Szenes / Vieira da Silva.

Integrada no Plano Estratégico para a Cultura, Eixo 2 (Participação), esta aposta pretende dar a conhecer todas as expressões que compõem o acervo da Coleção SEC.

Exposição de fotografia no Museu da Cidade

“Sérgio Valente, um fotógrafo na revolução” é o nome da exposição que estará patente no Museu da Cidade de 5 de abril a 2 de maio.

O legado que Sérgio Valente nos deixa, permitindo fixar uma memória fotográfica dos últimos anos da ditadura e das imediatamente posteriores vivências de rejeição e superação, vividos por quem contra ela decidiu resistir, é uma dessas estratégias de memória que, em si mesmo, é um trabalho de recuperação da dignidade.

No meio de uma feroz repressão, inimaginável para as gerações posteriores na forma corrosiva e omnipresente com que invadia os quotidianos, Sérgio Valente regista, resiste e sobrevive para contar.

Aguarelas no Museu Arte Nova

Igualmente de 5 de abril a 2 de maio, a exposição “O encanto da Arte Nova” – aguarelas de Isabel Moutinho estará patente no Museu Arte Nova.

A escolha da Arte Nova aveirense como tema para as suas primeiras experiências pictóricas foi óbvia para Isabel. A delicadeza e envolvência dos edifícios representativos daquela corrente arquitetónica casam muito bem com a leveza e transparência da aguarela. É o resultado desse «casamento» que agora se apresenta na Casa Major Pessoa, Museu da Arte Nova, em Aveiro.

Explosões de Gozo” na Galeria da Antiga Capitania

A Galeria da Antiga Capitania acolherá, de 5 de abril a 5 de maio, a Exposição “Explosões de Gozo” de João Viana que surge como um suporte criativo para o curador e para as explosões criativas do pintor. Assim, a mostra resulta de um respeito pelo espaço expositivo, em que as telas e a arquitetura do edifício, aparecem para o visitante com uma harmonia visual ímpar. Tem curadoria de José Rosinhas.

As vinte e nove telas retratam o conceito de atmosfera que confronta o espetador com pinturas que tanto podem parecer e sugerir cosmologias ou explosões siderais como seres que foram vítimas de alguma metamorfose física e plástica.

Visita aos Museus de Aveiro passa a ser gratuita na manhã do primeiro domingo de cada mês

Acesso gratuito aos Museus de Aveiro na manhã do primeiro domingo de cada mês, permitindo a universalização do acesso e a fruição da oferta destes equipamentos culturais, bem como o aprofundamento, reforço do conhecimento da história e identidade locais.

Equipamentos Culturais Municipais com o Selo “Clean & Safe”

Os equipamentos Culturais Municipais têm já implementado o selo “Clean & Safe”, uma ação do Turismo de Portugal IP criada para distinguir as empresas e organismos com interesse para o setor do Turismo que cumprem as recomendações da Direção Geral da Saúde (DGS) para evitar a contaminação dos espaços com o COVID´19 e, deste modo, incentivar a retoma do setor do turismo a nível nacional e internacional, reforçando a confiança de todos no destino Portugal e nos seus recursos turísticos.

II – PROGRAMAÇÃO DA BIBLIOTECA MUNICIPAL EM ABRIL

O mês de abril é, no universo do livro e das bibliotecas, marcado pela comemoração de duas datas importantes: 2 de abril, Dia Internacional do Livro Infantil, em que se comemora por todo o mundo o nascimento de Hans Christian Andersen, e 23 de abril, Dia Mundial do Livro, que se festeja desde 1996, por decisão da UNESCO, data que coincide com o desaparecimento de escritores como Miguel de Cervantes e William Shakespeare.

Neste mês, a Biblioteca Municipal em funcionamento no ATLAS Aveiro / Edifício Fernando Távora continua com as ações online (Canais de Leitura, Comunidade de Leitores e Biblioteca com Gonçalo M. Tavares) e arranca com nova programação repleta de ações para todas as idades.

Saio da estante e vou à Rádio num instante”

O projeto “Saio da estante e vou ter contigo num instante” surge com uma nova vertente. Sob o nome “Saio da estante e vou à Rádio num instante”, a Biblioteca Municipal lançar este novo projeto, em colaboração com Rádio Soberania e a Comunidade. Aos sábados de manhã, pelas 12h30, na Rádio Soberania, com início excecional no dia 02ABR21 (Dia Internacional do Livro Infantil), com repetição no dia no dia 03ABR21, o Saio da Estante e vou à Rádio num Instante procura promover a leitura em voz alta como forma de alcançar, de uma forma lúdica, o público mais infantil.

A primeira história, “Obrigado a todos!” da autoria de Isabel Minhós e ilustração de Bernardo Carvalho, terá como leitor o Presidente da Câmara Municipal de Aveiro, José Ribau Esteves, que, assim, assinala o arranque deste projeto cujo principal objetivo é fomentar hábitos de leitura nos mais jovens, dando a conhecer o vastíssimo espólio de literatura infanto-juvenil disponível para uso livre e gratuito de todos os cidadãos de Aveiro. Seguem-se, durante todos os sábados de abril, novas histórias na voz de Bruno dos Reis, Hélder Berenguer e Cacilda Marado.

Canais de História

O ATLAS Aveiro dá mais um passo na consolidação do seu papel de relevo no panorama cultural do Município, enquanto equipamento potenciador de dinâmicas que respondem, de forma ativa, às necessidades de informação e aos desafios atuais colocados no âmbito das literacias.

Canais de História inicia, assim, em abril com um programa de atividades que incluem sessões de animação do livro e da leitura, dedicados aos mais novos. Entre estas ações incluem–se:

– “Histórias com Música”, sessões performativas de contos enleados em música, dedicadas aos bebés, apresentados por MUSA – Escola de Música de e Artes de Aveiro;

– “Mala-surpresa, livros na biblioteca”, onde Ivo Prata presenteará os mais novos com momentos de partilha de histórias e livros que traz numa mala velhota mas um pouco pesada e que abre num cantinho especial desta biblioteca;

– “Histórias Mal Cozinhadas”, por Cláudia Stattmiller, onde os mais jovens ficam a saber quais as receitas realmente importantes para fazer um bom livro e qual o segredo para que seja apetitoso; – Histórias com yoga, sessões com Helena Burbuleta, onde, a partir de um conto, as famílias são conduzidas num ambiente de bem-estar e aprendizagem, aliando as histórias ao yoga.

Canais de Escrita

Continuam as ações online do Canais de Escrita que contará com conversas múltiplas e diversas, que decorre na página do Facebook da Biblioteca, com os escritores Carlos Neto, Carmen Posadas e Rodrigo Guedes de Carvalho. Paralelamente, será realizada mais uma sessão da “Comunidades de leitores de Aveiro: dez grandes livros do Século XX” com Gonçalo M. Tavares, via Zoom, cujas inscrições obrigatórias, com número limitado de participantes podem ser feitas através do e-mail biblioteca@cm-aveiro.pt.

Serão ainda lançados mais quatro textos literários de Gonçalo M. Tavares, da série “Biblioteca” (ficção, poesia, ensaio). Os textos, com periodicidade semanal, são publicados página de Facebook da Biblioteca e, para além das palavras do escritor, contam com as ilustrações de Rachel Caiano.

Apresentação do livro “Campeão das Províncias”

Ainda em abril, decorrerá a apresentação do livro “Campeão das províncias” de Amaro Neves e uma mostra documental com alguns exemplares importantes dessa publicação, oriundos da doação do autor à Câmara Municipal. Continua patente, até ao final do mês, a exposição “Poesia em rotação”, uma iniciativa conjunta da CMA com o Museu Nacional da Imprensa, que permite ao visitante (re)conhecer cerca de 150 capas de discos de vinil de grandes poetas portugueses e estrangeiros podendo, igualmente, escutar poemas, alguns deles, na voz dos próprios autores.

Academia Maker

Por fim, retomamos as atividades da “Academia Maker – ciência sobre rodas”, desenvolvida em parceria com a Fábrica da Ciência Viva, onde os mais novos são desfiados a construir, planear, inventar e criar os seus projetos na área da ciência.